08 de Julho de 2011

 

 

$€            

 

 

 

 

Amici Salvate!

 

A História já está contada acima.

 

 

No entanto, e porqe se espera mais de um Blog, aqui vai o aspecto literário do mesmo.

 

    Não vamos pôr culpas nem no governo anterior nem no do Cavaco Silva enquanto Primeiro Ministro, que, quanto a nós, foi um dos grandes culpados da pobreza portuguesa que, actualmente, já nem "pão e vinho na mesa tem" porque neste momento, a partir de ontem, já não se trata de culpas nacionais, mas de uma guerra transatlântica declaradamente aberta. Já começara, sim. Sabiamo-lo. Muitos de nós já tínhamos percebido. Desde 2002 que o RU  e os EUA ficaram ainda mais desconfiados ao verem em nota a circular o que já existia como câmbio há uns anos. Esperaram. Esperaram e o € ulrapassou o $. Os EUA e o RU não podiam admitir tal. Chegou-se a um extremo em que ambos esses países se encontraram numa crise económico-financeira gravíssima (a velha raposa consegue passar despercebida aos olhos da maioria, os outros, palavrosos, novos ricos, espalhafatosos, invasores abertos, não). Havia que fazer alguma coisa. O evidente. Destruir os países com petróleo e com governos hostis, para passarem a ter governos pró americano e, por outro lado, destruir o euro. Ora, para destruir esta moeda era necessário ir aos seus pontos mais fracos e, zás... direitinhos à Grécia e a Portugal (à Irlanda de um modo diferente por causa da língua, da proximidade do RU e do vínculo genético com os EUA). Somos vítimas de uma guerra, não do governo anterior, que, diga-se de passagem teve inúmeros defeitos, mas não misturemos alhos com bogalhos. Se há pessoas em Portugal a apontar o dedo neste momento, elas são algumas do PSD,  na sua disfarçada ganância de Poder. Com a desculpa de não sobrecarregar os reformados, vêm agora, com desculpas de mau pagador (que nem de propósito) dar o dito por não dito e, cúmulo(!) lançar um imposto correspondente a metade do 13º mês! Falta saber o que virá. E depois somos dados como o lixo da Europa. Que vexame, que revolta! Dizem as agências de rating: nada de pessoal, nada contra Portugal, mas business is business... Ora, pelo menos, numa coisa o Sócrates teve razão: "com a queda do governo provocada pelo PSD (aplaudida pelo Presidente) vamos ver o julgamento que a História fará!" Sem esta queda, o empréstimo teria sido necessário na mesma, como se sabia já, a troika  vinha, como veio, mas as agências de rating não tinham tido, de mão beijada, a privatização das empresas, que foi o único pretexto que tiveram à mão para as considerar lixo e com elas todos nós!

 

    Agora sim, culpo o PSD no poder, culpo o Presidente pelos seus silêncios e culpo a Chanceler alemã e o Presidente da Comissão Europeia por só ontem terem bramado contra as agências. E antes não sabiam nem suspeitavam que isto pudesse vir a acontecer, nos cargos que ocupam? É caso para perguntar: Mas de que lado do Atlântico é que afinal estão?

 

    Valete  

 

    Raulus Antonius 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Raúl Mesquita às 12:36 link do post
|  O que é? | favoritos
Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
17
18
20
21
22
23
25
26
28
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Sabe, se V. não fosse europeísta não se chamava G....
Sabe, essa ideia de Europa Unida acho que é uma fi...
Obrigada pela visita.George Sand com toque feminin...
Cara George Sand:Gostei da sua visita e fui também...
É lindo o cravo. Convida a silêncios. Entrelaçados...
Tailon , óntos ?
Sou eu quem deve pedir desculpa então.Muito prazer...
A desculpe.Meu nome é Thailon mesmo. Thailon Azeve...
Caro Thailon:Obrigado por ter respondido à minha p...
Sim.Bem, como pode perceber, minha cantora predile...
Caro Thailon:Decerto reparou no último parágrafo d...
Mesmo sabendo que você fez esta lista com gostos p...
Meu querido Raul, o MesquitaA possibilidade de uma...
Deve com certeza ter, Cara Helena. Fascina-me a be...
Que belíssima peça e que som maravilhoso não terá....
Augusto-o-Ilustre:Agradeço as tuas sempre prontas ...
Meu amigo Raul, o MesquitaA música está sempre pre...
Cara Helena:Obrigado pela sua visita. Compreendo q...
O que me choca na foto:- Duas mulheres sem cabeça-...
Meu querido amigo Raul, o MesquitaNa época da guer...
Meu Caro:Vá por mim, não perca tempo com o Google ...
Ao Ilustre:Muito obrigado pelas tuas, sempre genti...
Ao Ilustre:Muito obrigado pelas tuas, sempre genti...
Este texto, mais que formular opinião, é uma aula ...
Caríssimo Raul, o MesquitaTenho que aceitar que a ...
Saudações! Já lhe terá ocorrido espreitar na lite...
Augusto, O Ilusre:Ficcionei ao escolher a ficção, ...
Meu caro amigo Raul, o MesquitaNão caias no erro d...
O Para vir. Com o álibi da troika! Estou à espera ...
Querido Amigo:Compreendo bem as tuas palavras e ag...
blogs SAPO