08 de Julho de 2011

 

 

$€            

 

 

 

 

Amici Salvate!

 

A História já está contada acima.

 

 

No entanto, e porqe se espera mais de um Blog, aqui vai o aspecto literário do mesmo.

 

    Não vamos pôr culpas nem no governo anterior nem no do Cavaco Silva enquanto Primeiro Ministro, que, quanto a nós, foi um dos grandes culpados da pobreza portuguesa que, actualmente, já nem "pão e vinho na mesa tem" porque neste momento, a partir de ontem, já não se trata de culpas nacionais, mas de uma guerra transatlântica declaradamente aberta. Já começara, sim. Sabiamo-lo. Muitos de nós já tínhamos percebido. Desde 2002 que o RU  e os EUA ficaram ainda mais desconfiados ao verem em nota a circular o que já existia como câmbio há uns anos. Esperaram. Esperaram e o € ulrapassou o $. Os EUA e o RU não podiam admitir tal. Chegou-se a um extremo em que ambos esses países se encontraram numa crise económico-financeira gravíssima (a velha raposa consegue passar despercebida aos olhos da maioria, os outros, palavrosos, novos ricos, espalhafatosos, invasores abertos, não). Havia que fazer alguma coisa. O evidente. Destruir os países com petróleo e com governos hostis, para passarem a ter governos pró americano e, por outro lado, destruir o euro. Ora, para destruir esta moeda era necessário ir aos seus pontos mais fracos e, zás... direitinhos à Grécia e a Portugal (à Irlanda de um modo diferente por causa da língua, da proximidade do RU e do vínculo genético com os EUA). Somos vítimas de uma guerra, não do governo anterior, que, diga-se de passagem teve inúmeros defeitos, mas não misturemos alhos com bogalhos. Se há pessoas em Portugal a apontar o dedo neste momento, elas são algumas do PSD,  na sua disfarçada ganância de Poder. Com a desculpa de não sobrecarregar os reformados, vêm agora, com desculpas de mau pagador (que nem de propósito) dar o dito por não dito e, cúmulo(!) lançar um imposto correspondente a metade do 13º mês! Falta saber o que virá. E depois somos dados como o lixo da Europa. Que vexame, que revolta! Dizem as agências de rating: nada de pessoal, nada contra Portugal, mas business is business... Ora, pelo menos, numa coisa o Sócrates teve razão: "com a queda do governo provocada pelo PSD (aplaudida pelo Presidente) vamos ver o julgamento que a História fará!" Sem esta queda, o empréstimo teria sido necessário na mesma, como se sabia já, a troika  vinha, como veio, mas as agências de rating não tinham tido, de mão beijada, a privatização das empresas, que foi o único pretexto que tiveram à mão para as considerar lixo e com elas todos nós!

 

    Agora sim, culpo o PSD no poder, culpo o Presidente pelos seus silêncios e culpo a Chanceler alemã e o Presidente da Comissão Europeia por só ontem terem bramado contra as agências. E antes não sabiam nem suspeitavam que isto pudesse vir a acontecer, nos cargos que ocupam? É caso para perguntar: Mas de que lado do Atlântico é que afinal estão?

 

    Valete  

 

    Raulus Antonius 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Raúl Mesquita às 12:36 link do post
|  O que é? | favoritos
Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
17
18
20
21
22
23
25
26
28
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Sabe, se V. não fosse europeísta não se chamava G....
Sabe, essa ideia de Europa Unida acho que é uma fi...
Obrigada pela visita.George Sand com toque feminin...
Cara George Sand:Gostei da sua visita e fui também...
É lindo o cravo. Convida a silêncios. Entrelaçados...
Tailon , óntos ?
Sou eu quem deve pedir desculpa então.Muito prazer...
A desculpe.Meu nome é Thailon mesmo. Thailon Azeve...
Caro Thailon:Obrigado por ter respondido à minha p...
Sim.Bem, como pode perceber, minha cantora predile...
Caro Thailon:Decerto reparou no último parágrafo d...
Mesmo sabendo que você fez esta lista com gostos p...
Meu querido Raul, o MesquitaA possibilidade de uma...
Deve com certeza ter, Cara Helena. Fascina-me a be...
Que belíssima peça e que som maravilhoso não terá....
Augusto-o-Ilustre:Agradeço as tuas sempre prontas ...
Meu amigo Raul, o MesquitaA música está sempre pre...
Cara Helena:Obrigado pela sua visita. Compreendo q...
O que me choca na foto:- Duas mulheres sem cabeça-...
Meu querido amigo Raul, o MesquitaNa época da guer...
Meu Caro:Vá por mim, não perca tempo com o Google ...
Ao Ilustre:Muito obrigado pelas tuas, sempre genti...
Ao Ilustre:Muito obrigado pelas tuas, sempre genti...
Este texto, mais que formular opinião, é uma aula ...
Caríssimo Raul, o MesquitaTenho que aceitar que a ...
Saudações! Já lhe terá ocorrido espreitar na lite...
Augusto, O Ilusre:Ficcionei ao escolher a ficção, ...
Meu caro amigo Raul, o MesquitaNão caias no erro d...
O Para vir. Com o álibi da troika! Estou à espera ...
Querido Amigo:Compreendo bem as tuas palavras e ag...
blogs SAPO