28 de Fevereiro de 2010

     

 

Amici:

 

Nesta Igreja, onde Händel, ele mesmo, tocou muitas das suas oratórias, St George's, Hanover Square, perto da sua casa em Brook Street, Mayfair, e onde duzentos anos mais tarde viveu Jimmy Hendrix, passa-se  a maior parte do London Händel Festival. Escolhi cinco espectáculos e até agora têm sido excepcionais. O Director, o maestro Laurence Cummings, tem uma técnica e um insight que tira dos cantores o melhor que eles têm para oferecer. Estou desejoso de ver a Final da Singing Competition (já anotei os meus preferidos, na semi-final) e Il Trionfo del Tempo e del Desingano, com, entre outros, o Cenk Karaferya, contratenor de voz redonda, quente e profunda, um belíssimo Mezzo! 

 

Mais novidades: A  Twelfth Night, de Shakespeare, peça que conhecia mal e que merece um estudo cuidado: uma farsa triste, ao gosto deste renascimento e da época barroca, tal como a ópera Platée, de Rameau. Royal Shakespeare Company no seu habitual Muito Bom! Ainda fora do Festival, um Ellissir d'Amore, de Donizetti, na ENO, para mudar de timbre. Uma pausa no fantástico Georg Friedrich Händel vocal.

 

E tenho estado com amigos, quase todos "à volta da música" e, algumas vezes também, à volta da mesa.

 

Deixo-vos por agora.

 

 

Valete,

 

Raulus Antonius

 

.

publicado por Raúl Mesquita às 03:28 link do post
|  O que é? | favoritos
21 de Fevereiro de 2010

    versus   

 

 

Amici:

 

Como desabafo, digo-vos, perdão, aliás, pergunto-vos: Mieux passe une erreur d'ortographie ou de syntaxe?

 

Pensem... Je vous prie...

 

É melhor o erro  "françês", que o estupor do Mário Dionísio, no Liceu Camões, me marcava a encarnado violento, sem explicar nada, sabendo que acabara de chegar do Liceu Francês e que tinha na cabeça de jovem de 10 anos (Français) ou "há três anos atrás"? Querem à frente" e "subir para cima?

 

Bem, nem vou falar de fonética...

 

Isto é, por hoje...

 

Valete.

 

Raulus Antonius.

publicado por Raúl Mesquita às 01:46 link do post
|  O que é? | favoritos
16 de Fevereiro de 2010

 

               

 

             

 

Amici, Salvate!

 

É de aproveitar o dia de hoje: CARNE, CARNE  lato sensu. Vagans bona est:  "Malum quidem nullum esse sine aliquo bono" - Decerto que não existe mal sem alguma coisa de bom nele (Plínio, O Velho). Vacca foeda gaudium mereat. 

 

E vá de fartar vilanagem, que vêm aí quarenta dias de abstinência lato sensu! Quarenta no Cristianismo mas também no Islamismo (noutra época do calendário). Mas porquê tanto ódio cristão para com os semelhantes Islamitas? Philosophum non facit barba! - O hábito não faz o monge (trad. livre, Plutarco) e a Filosofia está sempre presente aqui!  
 

Atenção: Facilis descensvs averno...

 

Pro rata puris omnia puraque!

 

Valete.

 

Raulus Antonius.

publicado por Raúl Mesquita às 14:57 link do post
|  O que é? | favoritos
13 de Fevereiro de 2010

 

Amici, Salvate!

 

Li há dias numa notícia online, difundida pela CNN,  o relato de um facto que me horrorizou. Na Pennsylvania, menores são julgados como adultos. O caso: uma rapaz de 12 anos matou com uma pistola a namorada do Pai, que estava à espera de bébé. A notícia dizia: "The boy faces life imprisionment", que nos EUA, ao contrário daqui, é mesmo  A VIDA TODA! Se o juiz assim o decidir, este rapaz pode entrar na cadeia aos 12 anos e nunca mais de lá sair, a não ser no caixão! Também lhe está vedada, como aos adultos homicidas, " parole".

 

Vejamos, agora, a coisa ao contrário. Este mesmo rapaz era usado, atraído, sexualmente por um/a adulto/a. O caso não seria o caso julgado como um crime contra menores indefesos? 

 

Esta hipocrisia, até num dos Estados mais antigos e onde foi declarada a independência dos EUA,  existe. Se isto é a nata ou que será o apenas yogurte, ou seja, se estas pessoas da Costa Leste, os yankees, agem assim, o que não se passará " na brousse", no interior, por exemplo no Religious Belt, no Texas, nos Estados do Gold Rush, etc.?

 

Os EUA continuam muito doentes.

 

Um nota final. O Pai do rapaz, que tem um ar patibular, deixa pistolas em gavetas? Que o rapaz não tem uma ar muito saudável, lá isso não tem, é daqueles das gorduras obesas. Todo o homicídio é indisculpável, mas não ver que, provavelmente, o caso é simplesmente "freudiano"... Ciúmes de um irmão que está para nascer e que é de outra mulher que não a Mãe? Mera hipótese, mas que os tribunais da  Pennsylvania não consideram.

 

Valete.

 

Raulus Antonius.

publicado por Raúl Mesquita às 15:11 link do post
|  O que é? | favoritos
07 de Fevereiro de 2010

 

Amici, Salvate!

 

Recebi ontem um recado de texto por telefone de uma amiga, pessoa equilibrada, ponderada, mas que dizia: "vamos pedir a demissão do Sócrates?"  Fiquei abismado! " Aqui há gato", disse para comigo mesmo... Mas isto agora é assim (hoje estou coloquial)? Fiquei a pensar. Serão os derrotados nas últimas eleições que, deseperados, deitam mão a tudo? Quer queiramos quer não, o governo é legítimo e se conseguir maiorias parlamentares para passar leis, poderá viver os quatro anos. Quem não gosta, paciência. Lá que tem defeitos, ah isso tem, mas lembro-me bem de defeitos de outros governos. Tenho uma memória de elefante, digo-vos. Lembro-me também de mentiras descaradas de Televisões, por esse mundo fora, cuja voz da locução negava a imagem! Um dia falarei sobre isto. Aqui não cabe.

 

Que há grandes, enormes, disgualdades sociais neste país, há! É preciso atenuá-las, coisa que os governos não têm feito suficientemente. Mas cabe a nós pressionar. Alto, não em conversas de "shopping mall", faute de cafés, nem em jantares com amigos, nem em e-mails pessoais, que não passam de desabafos. Se a democracia tem alguma coisa para dar, talvez seja mesmo só a possibilidade de fundar movimentos. Agora, textos de TF? A maior parte dos Portugueses tem medo, tem, como costumo dizer " o Salazar na cabeça".

 

Vou revelar-vos mais um pouco de mim. Muitos de vós sabeis que eu sou contra o aborto, contra a eutanásia (distanásia e paliativos, sim) porque tal atitude decorre, logicamente, do facto de eu ser contra a pena de morte, por ser, incondicionalmente, pela Vida!

 

Por que motivo falo neste Post das minhas crenças? Já verão: porque sou a favor do casamento homossexual e do TGV, por exemplo. Perguntaram-me várias vezes: " mas como é que podes ser contra o aborto e a favor do casamento homossexual?" Devo baralhar muito, pela minha parte, ainda bem!  É que eu não caibo em partidos, nem posso caber. Se alguma vez ocupasse algum lugar, seria como independente. Para as opiniões mais corriqueiras, eu misturo as Esquerdas com as Direirtas. Pois então não sou de nada dessas definições (definição = a delimitação, covém não esquecer!), sou Eu e isso basta-me. Eu e não abdico das minhas crenças e procuro até outras. Sem religião até este momento, sou uma pessoa com tendências místicas, um apaixonado por teologia, um homem que se sente muito bem em Templos. E também detesto os abusos, neste momento, os do capitalismo, como muita gente aqui em Portugal, até algumas pessoas conotadas com as Direitas.

 

Este sou eu!

 

Fecho por hoje, como abri.

 

 

Valete.

 

Raulus Antonius.

 

 

 

publicado por Raúl Mesquita às 14:00 link do post
|  O que é? | favoritos
06 de Fevereiro de 2010

 

 

 

Amici, Salvate!

 

Ontem fui à cinemateca com o meu sobrinho Frederico e com quatro amigos dele. Tudo gente da Faculdade de  Belas-Artes (deixemos, por agora, o problema de saber  se as Artes terão de ser "belas"; num outro post talvez fale disso).

 

Bem, a surpresa foi enorme! À volta dos dezanove, vinte anos, falavam de coisas que eu não espero ouvir de pessoas da minha idade. Desde conhecerem a Marguerite Duras, a realizadora do filme que vimos (seca, mas com uma fotografia surpreendente, La Femme du Gange) a moverem-se bem no campo da literatura, do cinema clássico, bref, surprenant! 

 

Não, não vou cair no lugar-comum de dizer que, afinal, Portugal tem futuro. O mais certo é acabarem o curso e abalarem. 

 

Diz que demos "Mundos ao Mundo" e continuamos a dar, evidentemente, lá fora. É  evidente, não é? Atabafa-se aqui! Seria isso que o bom boémio Grande Camões queria dizer? Não acho. Disse que com ele "morria Portugal". Teria dito? No século XVI não existia a ideia, mais tardia, de patriotismo. Foi o liberal nacionalista A. Herculano (aproveitado por Salazar, nem liberal, nem nacionalista) o culpado deste mal-entendu? Bem sei, bem sei, estou a misturar coisas, o que não é boa escrita, mas... numa mão sempre a espada...!

 

 

                     
 

 

 

     

 

Valete.

 

Rauls Antonius.

 

 

publicado por Raúl Mesquita às 01:02 link do post
|  O que é? | favoritos
02 de Fevereiro de 2010

 

Salvate, Amici!

 

 

 

                 

 

 

   

        

 

 

   

 

   

 

 

São muitas. Pesquisei aleatoriamente e o que mais vi por aqui foram Santas, os queridos fiéis e estes aliados (quem serão?) Fico cada vez mais confuso, seguramente não com os animais. As Santas, vá lá, mas estes desportistas baralham o esquema. Mas afinal, pergunto a mim mesmo, o que é a Virtude? Calar, falar? Dizem que é calar, mas ainda não estou convencido. Rendo-me a quem me convencer. Ma Parole! 

 

Valete.

 

Raulus Antonius.

See full size image

publicado por Raúl Mesquita às 00:00 link do post
|  O que é? | favoritos
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Sabe, se V. não fosse europeísta não se chamava G....
Sabe, essa ideia de Europa Unida acho que é uma fi...
Obrigada pela visita.George Sand com toque feminin...
Cara George Sand:Gostei da sua visita e fui também...
É lindo o cravo. Convida a silêncios. Entrelaçados...
Tailon , óntos ?
Sou eu quem deve pedir desculpa então.Muito prazer...
A desculpe.Meu nome é Thailon mesmo. Thailon Azeve...
Caro Thailon:Obrigado por ter respondido à minha p...
Sim.Bem, como pode perceber, minha cantora predile...
Caro Thailon:Decerto reparou no último parágrafo d...
Mesmo sabendo que você fez esta lista com gostos p...
Meu querido Raul, o MesquitaA possibilidade de uma...
Deve com certeza ter, Cara Helena. Fascina-me a be...
Que belíssima peça e que som maravilhoso não terá....
Augusto-o-Ilustre:Agradeço as tuas sempre prontas ...
Meu amigo Raul, o MesquitaA música está sempre pre...
Cara Helena:Obrigado pela sua visita. Compreendo q...
O que me choca na foto:- Duas mulheres sem cabeça-...
Meu querido amigo Raul, o MesquitaNa época da guer...
Meu Caro:Vá por mim, não perca tempo com o Google ...
Ao Ilustre:Muito obrigado pelas tuas, sempre genti...
Ao Ilustre:Muito obrigado pelas tuas, sempre genti...
Este texto, mais que formular opinião, é uma aula ...
Caríssimo Raul, o MesquitaTenho que aceitar que a ...
Saudações! Já lhe terá ocorrido espreitar na lite...
Augusto, O Ilusre:Ficcionei ao escolher a ficção, ...
Meu caro amigo Raul, o MesquitaNão caias no erro d...
O Para vir. Com o álibi da troika! Estou à espera ...
Querido Amigo:Compreendo bem as tuas palavras e ag...
blogs SAPO